Windows 8 quadruplica presença da Microsoft no mercado de tablets

Microsoft Surface
O Windows 8 pode não ser um sistema operacional muito bem “definido” (além de existir os que amam ou odeiem, ele parece não saber se é um ambiente com interface para tablets ou desktops, e tentando ser os dois não parece agradar a todos), porém sua atuação no mercado de tablets deu a Microsoft alguma fatia do bolo de fato. Até o primeiro trimestre de 2012, a Microsoft estava estagnada com 1,6 por cento do mercado de tablets. O que significa basicamente que o mercado na prática era disputado apenas por Apple (iOS) e Google (Android).
Já no primeiro trimestre de 2013, com o Windows 8 no jogo – Surface e outros dispositivos de empresas parceiras – vemos uma mudança positiva para a Microsoft, que passa a ter 7,5 por cento desse mercado, com um total de 3 milhões de Windows 8 (entre versões Pro e RT).
Abaixo, um gráfico mostrando um panorama do mercado de tablets. Apple em primeiro, seguida de Google e logo depois Microsoft, que passa pelo menos a “existir” de fato no mundo dos números.

strategy-analytics-tablets-2012-2013

Fonte: Strategy Analytics
por RodFelex, que gosta do Windows 8 para smartphones mas não conseguiu ainda ter coragem para adotar em definitivo a “versão para desktop”.